O custo do transporte em São Paulo

Felipe Rau | ESTADÃO

Saiba quanto custa se locomover na capital paulista e compare os preços de diversos meios de transporte para o seu percurso
Qual a distância de seu trajeto?
Se preferir, calcule a distância entre endereços na cidade de São Paulo:
Quantos passageiros?
Período:
Em um dia, o custo seria de...
Carro (1)
Transporte Público (1)
Uber (1)
Taxi (1)
Moto (1)
Bicicleta (1)
Entenda a metodologia

A ferramenta foi desenvolvida com base nos custos dos diversos meios de transporte, levando em consideração a distância percorrida em dado percurso (ida ou volta). Os custos são referentes à cidade de São Paulo e foram levantados de acordo com o valor do quilômetro rodado ou da tarifa de transporte público.

Premissas de cálculo:

Para os carros, foram considerados os seguintes itens no cálculo do custo por quilômetro rodado: depreciação, manutenção (pneus, óleo, filtro de óleo, filtro de ar e filtro de combustível), seguro, seguro obrigatório, IPVA e combustível. Os custos fixos do veículo foram diluídos de acordo com a quantidade de quilômetros rodados no ano, portanto quanto menos o veículo roda, maior é o gasto por quilômetro. O cálculo das motos leva em conta, além dos fatores já citados, vela, bateria e pastilha. No caso das bicicletas, foi contemplada apenas a depreciação. Para os táxis, as taxas são de veículos comuns, incluindo a bandeirada. No caso do Uber, o cálculo levou em conta a distância e a categoria do veículo (X, Black ou Pool). Para as duas primeiras categorias, não foi considerada a "tarifa dinâmica", que pode aumentar o valor da viagem quando há aumento da demanda. O gasto com ônibus, metrô e trem é relativo à tarifa única, sem considerar a opção do Bilhete Único Mensal.

Observações:

Não foram considerados os custos de compra do carro, moto ou bicicleta, tampouco os gastos com estacionamento. Também não foi analisado o fator trânsito e horários de pico, devido à impossibilidade de se prever o tráfego na cidade, fator que tem influência nas tarifas de táxi e nos gastos com combustível. O levantamento foca exclusivamente na questão econômica, sem considerar variáveis como conforto, tempo, segurança e sustentabilidade.

Os cálculos semanal e mensal consideram apenas os dias úteis, de 5 e 21, respectivamente

* A estimativa de tempo para trajetos com origem e destino é calculada de acordo com previsões do Google Maps para o horário de pesquisa. No caso de transporte público, a estimativa considera o tempo total entre origem e destino, inclusive a pé.